Inscrever o meu filho na escola

De acordo com a idade, as crianças recém-chegadas frequentam o ensino fundamental, o ensino secundário clássico ou geral ou o ensino internacional público. Se os pais ou os tutores o desejarem, também as podem inscrever numa escola privada.

Ensino fundamental

A inscrição na escola pública é feita no serviço de ensino ou na secretaria da comuna do local de residência:

  • crianças de 3 anos: ciclo 1 - educação precoce (facultativo) 
  • crianças de 4 e 5 anos: ciclo 1
  • crianças de 6 a 11 anos: ciclos 2 a 4

A comuna regista os dados pessoais do aluno recém-chegado e transmite-os ao diretor do ensino fundamental da região em questão, ao Presidente do Comité de escola e ao responsável das aulas de acolhimento.

Várias escolas internacionais públicas propõem turmas de ensino primário e, por vezes, pré-escolar.

Várias escolas privadas propõem outras possibilidades de escolarização.
Mais informações: Oferta escolar no ensino fundamental

Ensino secundário clássico e secundário geral

As inscrições e a orientação dos jovens recém-chegados ao Luxemburgo a partir de 12 anos de idade são feitas por intermédio da Célula de acolhimento escolar para os alunos recém-chegados (CASNA). A fim de encontrar a turma e o nível que correspondem às competências do aluno, a CASNA procede à avaliação dos conhecimentos escolares e dos conhecimentos linguísticos.  Na primeira entrevista na CASNA, é necessário apresentar os documentos seguintes:

  • bilhete de identidade ou passaporte,
  • boletins dos últimos dois anos de escola,
  • na medida do possível, cópia do certificado de residência (pedido na comuna) ou recibo de entregade     um pedido de proteção internacional
Escolas internacionais

Uma política de diversificação da oferta, para responder melhor à diversidade da população escolar luxemburguesa, cria uma paisagem educativa rica. Em função dos seus talentos, das suas necessidades e das suas aspirações, os alunos têm acesso ao ensino secundário clássico, geral, europeu, internacional, público ou privado.

Mais informações:  Oferta escolar no ensino secundário

Última atualização